domingo, 10 de junho de 2012

Caderno artesanal

Adoro artesanato, mais do que curtir eu gosto de fazer. Sempre que me dá vontade, sempre que preciso de algo ou que desejo presentear alguém. Mas gosto muito de criar quando estou estressada (escrever também funciona muito bem nesse caso), e saem coisas legais. Umas duas semanas atrás comprei um caderno artesanal, fiquei apaixonada e fui fuçar p/ descobrir como fazer.  Vi vídeos váááárias vezes, fiz um teste, depois comprei um kit c/ o material p/ 1 peça. Hoje sentei pra fazer, essa é a parte gostosa: a criação! Deu certo, ficou super bonito.... Dêem só uma olhada.


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

L'Amour

"O amor não se vê com os olhos mas com o coração" (W. Shakespeare).

Não há frase mais correta do que essa. Shakespeare estava mais que certo em sua afirmação.
O que é o amor? Há de fato definição 'fechada' para esse sentimento tão nobre, complexo e amplo? Creio que nunca uma definição será igual a outra.
Quanto tempo precisamos para senti-lo de verdade? Alguns dizem que muito, outros dizem que poucos, outros nem mesmo acreditam que o amor exista mesmo. A quem dar razão a não ser ao seu próprio coração? Sim, o amor se vê com o coração e não com os olhos. Com os olhos enxergamos a razão; e razão não combina com coração, nem com muito esforço. Prova disso é quando você de repente se dá conta. Primeiro você ama, depois percebe o sentimento.
Ser por ele arrebatado é meio assustador, mas quando recíproco é reconfortante. Posso dizer que depois de estar desacreditada em relação a isso fui flechada beeeeem no centro do meu coração. E devo dizer que o Cupido dessa vez foi certeiro e preciso, rsrs. Ainda mais quando não se espera ser flechado e atingido é mais gostoso ainda.
Meu coração hoje está feliz, pleno, confiante e completo.
Amore, não possuo o dom e a facilidade de tecer belas rimas com belas palavras, posso apenas dizer "amu tu tatu" :-D

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Hoje (27.01.12)

Tradução do meu dia hoje.... pelos dois últimos meses


sábado, 21 de janeiro de 2012

Da Expo.....

Uma das lindas peças da exposição sobre o Islã no CCBB produzida pela Bibliaspa (USP/SP).


Alcorão, escrita naskh - Séc. XVII - Museu Nacional do Irã

sábado, 14 de janeiro de 2012

Caligrafia

"If you can't say a good work, keep silent". Arabic proverb.

Done by Hassan Massoudy


terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Ser bruxo

O que é ser um bruxo(a)? Nenhum tipo de aberração, isso certamente, rs.

É ser amante da natureza, é admirar um pôr-do-Sol, é saber ouvir o som do mar, é respeitar as florestas. É ser um ser consciente do meio onde vive. É ter respeito pelo meio ambiente, pelos animais, é ter consciência de cuidar do planeta para que este seja um mundo melhor.

É não se sentir estranho por não entrar em templos ditos sagrados fazendo preces em forma de submissão por medo de um castigo divino qualquer. É dedicar seus ritos, sejam eles onde forem, não por obrigação, mas por algum tipo de prazer. É reverenciar o que há de divino nas coisas, nas vidas, nos animais, na natureza. O sagrado e o profano está em todo lugar; é você que o define a partir do momento que julga, que rotula.

Ísis, Astarte, Hécate, Apolo, Thor, Zeus....., deuses, mito, entidades, psique, não importa o nome que se dê, a finalidade acaba sendo a mesma.

Ser bruxo não é ser louco, não é ser "sem religião" como muitos gostam de dizer e te olham torto quando você diz que é um. É ser. É sentir. É não ter vergonha de se ver como tal.

Blessed Be!