terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Roma - dia 02

Hoje de manhã foi dia de ir à Sapienza, Davi precisava deixar um poster para uma Conferência que iria participar por lá. Foi uma saga, o organizador não nos avisou que seria na Sapienza (perto do Termini) e acabamos indo para a Universidade dele de origem.... nos cafundós de Roma. Quando conseguimos contamos, voltamos. Mas, pensando pelo lado positivo, passeamos num lugar que certamente não iríamos programar, rsrsrsrs.
Então, depois desse corre-corre (porque tinha comprado os ingressos para os Museus do Vaticano para às 14hs!) fizemos um lanche na lanchonete da Universidade e rumamos para o Vaticano.
 Chegar na Piazza San Pietro já foi impactante. Como é imenso este lugar! É lindo demais! Estava cheia, obviamente e se você quer uma foto única e exclusivamente sua aviso logo que vai ficar frustrado porque é impossível! Você fica sem saber pra onde olha primeiro e o que fotografa primeiro, rsrsrs. depois de passado o encantamento inicial fomos procurar a entrada dos museus. E como anda pra chegar, rs. Contornamos a Piazza e seguimos em frente e mais em frente e bastante além, rs. Quando chegamos não havia aquela mega fila como às vezes se vê em fotos e imagens na tv. De qualquer modo, se houvesse a fila, eu iria passar porque tinha comprado antecipadamente os ingressos no próprio site do museu.
E passa em raio x, tira mochila e tudo o mais para passar, mas foi tranquilo. Colocamos nossas mochilas no guarda volume, retiramos os ingressos e fomos nós!
depois que sobe a rampa e a escadinha e chega num terraço, você pensa "uau, e agora, por onde começo"?


E lá fomos nós, seguindo a multidão. É bem difícil escolher uma palavra que defina o acervo (gigante) que eles tem. Você perde a noção de tempo com tanta coisa que tem para se ver e apreciar. Tem tudo que se possa imaginar lá dentro. É belíssimo, em todos os detalhes. Em todos os jardins e em todas as salas. Sabia que era grande, mas não imaginava tanta grandiosidade. Depois de andar achando que não haveria mais fim, chegamos na tão esperada Capela Sistina. Aí eu fiquei muito encantada..... cheguei no Vaticano querendo ver logo a Capela Sistina, rsrsrs. Sabemos que não pode tirar foto lá certo? Mas, com jeitinho conseguimos uma, e olha ela aí.
 (lindo né não esse teto?)

Ainda ficamos um pouco lá sentados, observando e descansando (porque não é mole não!). Dali foi rumo a sair dos museus.... mas ainda haviam corredores com arte para todos os lados até chegarmos à lojinha e ao guarda volumes. Saímos do museu e fomos para a Basílica. Não teria como ir embora dali sem visitá-la. E passamos de novo no raio x e deixamos mochila no guarda volumes.
E lá veio mais grandiosidade. Gente, é tudo mega, é tudo gigante.... não há nada pequeno. A perfeição das obras de arte é um escândalo! De fato, esses artistas devem ser adorados porque o trabalho é além da perfeição. Foi só uma pena já ser bem tarde e escuro lá dentro... Algumas fotos não ficaram legais. Fato é de chegamos aos museus do Vaticano por volta de 13:30hs e saímos da Basílica umas 19hs. Pouquinho não?
Dali voltamos para o apartamento (que era apenas 10 minutos de caminhada do Vaticano). Chegamos podre de cansados, mas contentes porque foi um dia que valeu muito a pena o cansaço.












Nenhum comentário:

Postar um comentário