segunda-feira, 24 de outubro de 2016

NaNoWriMo - o que é?

Olá pessoal!!

Cá estou para falar sobre o NaNoWriMo. Mas o que essas siglas significam? Quer dizer "National Novel Writing Month". O que significa que você tem o mês de novembro todo para escrever um romance de 50 mil palavras. Sim, isso mesmo que você acabou de ler.
O NaNoWriMo é uma ong norte americana que incentiva escritores de todo o mundo a escrever. E o desafio é ésse, você se inscreve no site (www.nanowrimo.org), lá você cria o seu perfil, pode colocar o título do seu livro e sua sinopse. Porém ele não é escrito online, as pessoas não irão ler o seu texto (que na verdade acaba virando seu rascunho, para ser revisado quando quiser). 
O legal é que a partir do dia primeiro de novembro você pode trocar ideias com seus nano buddies, postar trechos do seu livro, participar dos fóruns e ao final você coloca o seu texto para eles verificarem que contém as 50 mil palavras. Ao longo do mês você também pode fazer o seu wordbuild, ou seja, contar suas palavras diretamente no site. Basta você inserir a quantidade de palavras conforme você vai escrevendo em seu arquivo pessoal.
O interessante nisso tudo é que você pode selecionar a sua região e ver onde está rolando atividades eventos e tudo mais relacionado ao NaNoPrep (a preparação que é feita em outubro, onde você organiza suas ideias, roteiro e tudo referente ao seu livro).
Eu conheci o NaNoWriMo através do blog e canal da Kara Benz (www.bohoberry.com), achei super mega interessante e decidi participar. Acho que é uma oportunidade interessante de medir sua capacidade de escrita e criatividade. Já me inscrevi e estou nos momentos finais de organização para dia primeiro entrar de cabeça!

 (logo do NaNoWriMo)

 (minhas anotações referentes à info e preparação para o NaNoWriMo)



quinta-feira, 13 de outubro de 2016

O que é o Bullet Journal

Olá pessoal!

Desde que descobri o sistema do Bullet Journal fiquei encantada e resolvi fazer um teste, pra saber se de fato era eficiente. Resultado: estou amando!!! Vejo muitas postagens, vídeos, sites.... mas todos gringos. Em português mesmo quase não tem informação. Por isso decidi trazer uma rápida explicação sobre o que é esse sistema organizacional.

O Bullet Journal foi criado pelo Ryder Carrol (www.bulletjournal.com), antes de ser espalhado para o mundo, ele testou sua eficácia e achando o ponto perfeito, publicou e compartilhou com o mundo seu novo sistema de organização. E a comunidade "bujo" vem crescendo desde então. Ahn, as fotos postadas aqui são minhas, criei para ilustrar o que quero dizer ao longo do texto (mas esse não é o meu bullet journal).

Mas, o que é, afinal? Nada mais é do que um sistema orgânico de anotações de tarefas.  Você pode usar qualquer caderno que tiver disponível em sua casa (seja ele com pautas, sem pautas, quadriculado, pontilhado ou mesmo liso). Você estabelece o que vai usar, qual caderno se sente mais confortável e o tamanho também. Para começar basta um caderno e uma caneta. Nada mais!

Ryder Carrol organiza da seguinte forma:
1) Log Rápido - modo como o sistema é escrito. Consiste somente em 4 componentes:
* Tópicos e paginação - o primeiro passo de acesso rápido é adicionar um tópico na sua folha logo no topo da página. Algo simples como um título que define o que você quer listar na página. Feito a anotação necessária, numere sua página. Titule e numere todas as suas páginas conforme for avançando.
* Bullets - são os símbolos que colocamos antes de escrever o que você precisa fazer, lembrar, etc.  Todo símbolo deve ser inserido com frases objetivas e curtas que expressem de forma rápido a ação a ser executada. Esses bullets ajudam a organizar as entradas em 3 categorias:
* Tarefas - são representadas por um "." e nele inclui qualquer ítem que possa ser inserido como, por exemplo, " . Levar gato para vacinar". As tarefas são o principal ítem do seu Bullet Journal, são elas que dão forma ao sistema. Originalmente existem 3 símbolos:
"x" - tarefa completa
">" - tarefa migrada
"<" - tarefa agendada
Mas, como vemos na vastidão do mundo dos bullet journalers, diversos símbolos são usados. Você pode definir os seus conforme suas necessidades (e isso é o bacana do sistema, te dá liberdade).
* Eventos - geralmente são antecedidos pelo símbolo "o", e estes são os relacionados a entradas datadas e que podem ser agendadas. Essas entradas devem ser anotadas de forma mais objetiva possível.

* Notas - são representadas por um "-", e essas incluem fatos, ideias, pensamentos, observações. São entradas as quais você deseja se lembrar em algum momento, não necessariamente de imediato.
* Significante - são os símbolos de contexto adicional. Por exemplo, se for alguma prioridade usa-se "*", se for uma Inspiração, é representado por uma "!", se você quer Explorar algo coloca-se o desenho de um olho ou uma lupa.

* Índice - toma lugar nas primeiras páginas do caderno (a maioria das pessoas deixa 3 páginas para esta função). É aqui que o Bullet se une, tudo que você titular no seu caderno vai para o Índice com a devida página anotada ao lado, e quando você precisar de algo específico é só verificar no Índice e procurar a página. As Coleções que se espalham pelo seu Bullet podem ser numeradas também, a cada página que você tiver algo relacionada a mesma coleção é só colocar o número da página ao lado, sem precisar repetir no índice a mesma coisa, por exemplo, "Chás e Cafés - 5,10, 13".

*Log Futuro - local para armazenar os ítens que necessitam ser agendados nos meses à frente. 

*Log Mensal - ajuda a organizar o mês. Consiste em um simples calendário onde você lista os dias daquele mês (juntamente com o dia da semana referente) e anota ao lado a tarefa que cabe ao dia.

*Log Diário - esse tópico foi projetado para o uso do dia-a-dia. Durante o curso do dia você anota todas as tarefas que devem ser executadas naquele dia. Acabou? Faça um traço e logo na linha abaixo coloque o próximo dia. Sem mistério. 

Simples não? Esses layouts foram feitos baseados na simplicidade do sistema, sem firulas e decoração. Para aqueles que não gostam de desenhos, não tem habilidades artísticas e afins, não se preocupe. É simples e prático. Se procurarmos no Pinterest, por exemplo, encontramos os mais diversos formatos, sempre focados nos princípios básicos do Bullet Journal.

E ai, surgem inúmeras dúvidas sobre como fazer, o que colocar, e uma infinidade de perguntas (que eu também tenho). Como fazer, um caderno por mês? Um caderno para 6 meses? Ou para um ano inteiro? Gente, isso depende muito do que você quer do seu Bujo. Depende da quantidade de conteúdo que você deseja inserir. Eu acho que um caderno que você consiga fazer de 6 em 6 meses seria interessante, porque às vezes estamos em setembro e não precisamos de nenhuma informação que está lá em fevereiro, por exemplo. Muitas pessoas levam o Bujo junto delas para onde vão (seja trabalho, lazer, viagem, etc) e se o caderno for muito grande vai pesar, certo? Isso tudo é muito variável. Eu no momento estou usando de 2 em 2 meses, mas eu faço o meu Bullet Journal no Midori (o famoso Travellers Notebook, onde eu acoplo até 6 caderninhos). Eu comecei em julho, e o caderninho de julho, uma vez preenchido eu retirei quando terminei agosto. Agora quando terminar outubro, retiro o de agosto (deixo somente o mês anterior). Mas se usar um Moleskine, por exemplo, de uma quantidade razoável de páginas, acho que dá pra fazer sim de 6 em 6 meses.

Tópicos como "despesas", "finanças", compromisso"... podem ser distribuídos ao longo do seu bujo.  Para os Compromissos eu sugiro que eles sejam inseridos no Log Futuro e no dia do compromisso de fato você coloque um símbolo ( "*", "o", ou o que for relacionado à ele) e anote ao lado o que é. Se forem compromissos já com data certa, na minha opinião eles devem ficar no Log Futuro, pois te dá uma visão geral de todos os meses que estarão ali naquele caderno. Tópicos como "finanças" e "despesas", eles entram como "Coleção", porque você pode dedicar uma página (ou quantas necessárias) somente a isso. Podendo fazer colunas com os tópicos referentes ao que você quer controlar. 
"Ahn, mas eu devo planejar logo a semana toda?" O ideal, segundo o próprio Ryder é que seja planejado diariamente (no caso aqui do Log Diário - que creio ser o mais importante, pois é como um guia mesmo pra gente). Vamos supor que hoje seja segunda-feira, dai você já tem o dia todo anotadinho e programa a terça-feira. Mas você já sabe que tem tarefas certas para o dia seguinte, não vejo problema em deixar o dia seguinte pronto também. Se você tem noção de como será sua semana e se sente mais confortável em deixar tudo pronto, ok, não há problema algum nisso. Eu já fiz das duas formas, rs.
Sobre as Coleções... há uma infinidade de coisas que pode-se colocar! Vai da sua criatividade e necessidade. Eu AMO de paixão o site e o canal da Kara Benz (www.bohoberry.com). Ela mostra o bullet journal dela, mostra como fazer, mostra ideias de coleções e rastreios. Óbvio que você não precisa seguir tudo, mas é bem inspirador. Outro site bacana é o www.tinyrayofsunshine.com . Ambos são em inglês, mas mesmo para quem não entende o idioma dá uma olhada as imagens e nos vídeos porque sempre dá pra aproveitar.
Para coleções você pode fazer "lista de desejos", "livros para ler", "livros que já li", "filmes assistidos", "filmes para assistir", "economia", "log de refeições", "listas de presentes", "log de gratidão", "quotes", "pensamentos", "doodles" (que são desenhos) e mais um monte de outras coisas. Abaixo seguem algumas fotos de sugestões.



E também tem a opção de Rastreio, que geralmente  o pessoal faz mensalmente, de hábitos que você deseja acompanhar e rastrear. Aqui também há uma infinidade de opções, desde "acordar cedo" até "controle de refeição", entre outros. Segue mais uma foto ilustrativa.

Espero ter conseguido esclarecer algumas dúvidas e explicar o que é o Bullet Journal. Vou colocar também um vídeo no Canal mostrando todas essas imagens que pus aqui e explicando também rapidamente o sistema e tirando qualquer eventual dúvida.

Pessoal, me digam se gostaram. Se tiverem dúvidas podem colocar aqui e vou procurar atender todas :-)